Acordo inédito busca atrair investimentos para o Norte de Minas

 Acordo inédito busca atrair investimentos para o Norte de Minas
Compartilhe esta notícia:
Digiqole ad

Um acordo inédito foi assinado nesta terça-feira (3) em Montes Claros para atrair mais investimentos para o Norte de Minas. A cooperação técnica foi firmada entre a Agência de Promoção de Investimento e Comércio Exterior de Minas Gerais (Indi) e o Instituto de Desenvolvimento do Norte e Nordeste de Minas Gerais (Idene).

Pela parceria, Idene e Indi vão integrar esforços, trocar informações e unificar atividades de desenvolvimento econômico e social para atração de investimentos para a região. 

Entre uma série de ações previstas, haverá, pelo Indi, capacitação e treinamento dos servidores do Idene, trabalho conjunto nas negociações para despertar e atrair empresas, mostrando as potencialidades da região.

O acordo de cooperação técnica tem duração de 20 meses, podendo ser prorrogado por até 60 meses. “Em 30 meses de governo Romeu Zema foi possível alcançar R$ 128 bilhões para novos empreendimentos ou para ampliar a capacidade dos que já existem em diversas áreas. O Indi está descentralizando a sua atuação e esse acordo de cooperação com o Idene vai ser fundamental a essa região”, afirma o secretário de Desenvolvimento Econômico, Fernando Passalio.
 
UNIÃO
O subsecretário da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sede) e diretor-geral do Idene, Nilson Borges, destaca a união das entidades como imprescindível ao desenvolvimento da região. Lembra, ainda, a importância da expansão da área da Sudene, integrando os municípios do Leste e assegurando que não vai haver retirada de recursos do Norte, mas traz fortalecimento.

“Estarmos juntos com a Sede nessa empreitada de desenvolvimento econômico e social é fundamental, e essa união com o Indi e com a Adenor (Agência de Desenvolvimento da Região Norte de Minas Gerais) formalizada hoje vai trazer muitos ganhos à região”, observa Borges.

O diretor de Investimentos do Indi, Ronaldo Barquette, ressalta que a parceria dará “capilaridade ao trabalho de atração de investimentos produtivos e poderá aproveitar melhor as grandes oportunidades existentes”.

Para o presidente da Associação Comercial e Industrial (ACI) de Montes Claros, Leonardo Vasconcellos, durante a reunião realizada ontem ficou clara a importância da União das Entidades como principal interlocutora entre o setor produtivo norte-mineiro e o governo do Estado. 

“Foram assinados dois convênios importantíssimos para o desenvolvimento do Norte e nós percebemos o reforço do papel do Idene como uma grande alavanca de desenvolvimento para nossa região. Recebemos boas novas do governo, que apresentou novos projetos para o desenvolvimento de Minas Gerais e apresentamos demandas regionais à Secretaria de Desenvolvimento, ao Idene e ao Indi”, disse Leonardo Vasconcellos.
 
ATUAÇÃO
O Idene trabalha uma série de projetos de desenvolvimento econômico e social, segurança hídrica e infraestrutura. Todos eles estão contidos no Plano de Desenvolvimento Integrado do Norte e Nordeste de Minas Gerais, lançado em maio pelo governador Romeu Zema.

O instituto integra 258 municípios das regiões Norte, vales do Jequitinhonha, Mucuri e Rio Doce, bem como alguns poucos municípios da região Central e do Noroeste do Estado.

Fonte: O Norte

Digiqole ad

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: