Anvisa faz operação para verificar comprovação vacinal em fronteiras

 Anvisa faz operação para verificar comprovação vacinal em fronteiras

Ponte Internacional da Amizade (BR-277),Aduana de Foz do Iguaçu, Fronteira Brasil e Paraguai

Compartilhe esta notícia:
Digiqole ad

A Anvisa e a Polícia Federal começaram nesta quarta-feira uma operação conjunta para ampliar as ações de verificação do comprovante de vacina de pessoas que entrarem no Brasil pelas fronteiras terrestres com a Argentina e o Paraguai.

Segundo a Anvisa, foram instaladas barreiras para o controle de fluxo na Ponte da Amizade, que liga Foz do Iguaçu com a Ciudad del Este, no Paraguai; e na Ponte Tancredo Neves, que liga Foz do Iguaçu a Puerto Iguazú, na Argentina.

Essa medida atende a uma decisão cautelar do ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal, para viajantes brasileiros ou estrangeiros que morem no Brasil e que deixem o território nacional a partir desta quarta-feira (15). Eles devem apresentar a comprovação de que estão completamente imunizados para voltar ao país.

Lembrando que a Anvisa só considera o ciclo vacinal completo quando a pessoa toma as duas doses ou a dose única, no caso da Janssen. Por conta disso, segundo a Anvisa, o passaporte de vacinação é “requisito migratório” e, portanto, “objeto de fiscalização”.

Quem mora nas chamadas “cidades gêmeas” – aquelas com territórios fazendo divisa com países vizinhos, está dispensado disso. Mas precisa apresentar comprovante de endereço. Trabalhadores de transporte de cargas também estão isentos de apresentar o comprovante de vacinação.

Fonte: Radioagencia Nacional

Digiqole ad

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: