Falta de saneamento básico afeta mais de 94 milhões de brasileiros

 Falta de saneamento básico afeta mais de 94 milhões de brasileiros
Compartilhe esta notícia:
Digiqole ad

Segundo o levantamento do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), publicado nessa sexta-feira (17), cerca de metade da população brasileira não tem acesso a serviços de esgoto.

É o que mostra os dados relativos a 2020, do Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento. Dos 5.570 municípios, 4.744 enviaram seus dados sobre a rede de esgoto.

O levantamento mostra que mais de 94 milhões de brasileiros são afetados pela falta de saneamento básico. Outro dado importante é que apenas a metade do esgoto coletado é tratado.

Por regiões, os municípios do sudeste têm a melhor cobertura de tratamento, com 80,5% da população atendida. A região norte é a menos favorecida e apenas 13,1% têm acesso à saneamento básico.

Quando o assunto é água tratada, 5.350 municípios enviaram os dados para o levantamento e 93,4% da população que vive em áreas urbanas tem acesso ao serviço.

O balanço estima que entre os municípios que enviaram as informações sobre resíduos sólidos, existem mais de 1.500 lixões em funcionamento. São 652 aterros sanitários e 617 aterros controlados.

Em julho do ano passado foi sancionado o Marco Legal do Saneamento Básico, que estabelece o ano de 2033 como meta para que 90% da população tenha acesso à coleta e tratamento de esgoto, água e resíduo sólidos.

Fonte: Radioagencia Nacional

Digiqole ad

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: