Parceria vai construir em Minas Gerais o Centro Nacional de Vacinas

 Parceria vai construir em Minas Gerais o Centro Nacional de Vacinas
Compartilhe esta notícia:
Digiqole ad

Uma parceria entre o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações, a Universidade Federal de Minas Gerais e o governo de Minas vai construir o Centro Nacional de Vacinas. Nessa quinta-feira, o ministro Marcos Pontes, a reitora Sandra Regina Goulart de Almeida e o governador Romeu Zema assinaram o protocolo de intenções para a obra.

Para Marcos Pontes, o Centro Nacional de Vacinas é o caminho para tornar o Brasil autossuficiente na produção de insumos farmacêuticos e vacinas.

O Centro Nacional de Vacinas deve ser um elo entre o ambiente acadêmico e o mercado. Por isso, vai apoiar grupos de pesquisa criados em universidades e dentro de empresas. A ideia é que o centro domine todas as etapas do desenvolvimento de produtos farmacêuticos. Agora, começam as conversas para tirar o projeto do papel – o que ainda não tem data para ocorrer.

O ministro Marcos Pontes participou nessa quinta de uma transmissão ao vivo nas redes sociais do presidente Jair Bolsonaro. Pontes aproveitou para contar sobre os testes clínicos da vacina contra covid-19 desenvolvida por pesquisadores brasileiros.

Até agora, a Anvisa autorizou 13 estudos clínicos com vacinas contra a covid-19 envolvendo voluntários brasileiros. Das quatro vacinas em uso no país, três foram testadas aqui: AstraZeneca, CoronaVac e Janssen. E outras seis candidatas a vacina já enviaram os documentos à agência reguladora, mas ainda não formalizaram o pedido de estudos em humanos.

Fonte: Radioagencia Nacional

Digiqole ad

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: