Unimontes encaminha proposta ao Governo do Estado para reforma do Pronto-Socorro do HUCF

 Unimontes encaminha proposta ao Governo do Estado para reforma do Pronto-Socorro do HUCF
Compartilhe esta notícia:
Digiqole ad

O Pronto-Socorro do Hospital Universitário Clemente de Faria, vinculado à Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes), presta um serviço de grande relevância para a saúde da população, recebendo diferentes casos de urgência e emergência. Neste contexto, a Unimontes desenvolve esforços para melhorar e ampliar mais o atendimento da unidade, com a proposta de reforma geral. Para isso, busca o apoio do Governo do Estado.

O assunto foi abordado pelo reitor da Unimontes, professor Antonio Alvimar Souza, durante a visita do governador Romeu Zema ao campus-sede da Universidade, nessa quinta-feira (16/9). O Pronto-Socorro do HUCF atende diariamente mais de 280 pessoas, com assistência gratuita, adotando o protocolo de Manchester – que prioriza o atendimento dos casos mais graves.

Ao apresentar as ações e demandas da instituição, o reitor solicitou o apoio do governador para que a Unimontes possa realizar a reforma do Pronto-Socorro do Hospital Universitário com recursos da ordem de R$ 7 milhões, oriundos do Programa Mais Vida, implementado e gerido pela Secretaria de Estado de Saúde (SES).

RECURSOS

O professor Antonio Alvimar lembrou que o HUCF teve saldo de $ 7 milhões do Programa Mais Vida, que deixou de ser repassado ao longo de três anos entre 2017–2019. A Unimontes fez uma proposta ao Governo do Estado para que os recursos venham ser remanejados para investimento na reforma e na modernização/ampliação do Pronto-Socorro.

Na reunião com o governador Romeu Zema, realizada na Biblioteca Central da Unimontes, o reitor salientou que o Hospital Universitário oferece atendimento 100% gratuito, bancado exclusivamente pelo Sistema Único de Saúde (SUS), com cerca de 500 mil procedimentos médico-hospitalares anuais, garantindo a assistência à população de 1,3 milhão de pessoas da macrorregião Norte de Minas.

O reitor afirmou que o Pronto-Socorro constitui uma das principais bases da assistência à população garantida pelo HUCF, que se consolidou como “hospital de portas abertas para todos”, com atendimento em diversas especialidades. “A reforma do Pronto-Socorro será um grande presente para o nosso hospital e para a população”, destacou o professor.

Fonte: ASCOM Unimontes

Digiqole ad

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: